Wednesday, May 17, 2006

Astérix e os Normandos
Desenhos de Uderzo, segundo história de René Goscinny
Tradução de Catarina Labey e Maria José Pereira
Edições ASA, 2006
Quando terminou o sexto livro das aventuras do gaulês Astérix, René Goscinny confessou ao seu colega desenhador que esgotara as ideias para novas histórias. No entanto, como este livro demonstra (o n.º 9 da colecção), o melhor estaria para vir! A saída deste livro, em 1967, mereceu uma tiragem delirante de um milhão e duzentos mil exemplares, A iniciação à coragem para o jovem Goudourix, em simultâneo com a aproximação ao medo por parte dos guerreiros Normandos, é fabulosa! Tanto em humor, onde goscinny dava lições a quem queria – mesmo ao desenhador, Uderzo, fabricante de um humor pálido, forçado e infeliz! – como em suspense, assim como no constante elaborar das personalidades das personagens, dos seus tiques e manias, e no relacionamento entre os mesmos! Há trocadilhos saborosos – infelizmente torpedeados pela actual tradução, mas a isso já iremos!Esta aventura de Astérix já foi editada no nosso país por várias mãos! Inicialmente foi publicada, a um ritmo de duas páginas semanais, na “nossa” revista Tintin, da Bertrand que, posteriormente, o lançou em álbum, seguida da Meribérica, quando esta passou a representar está série. Recentemente essa responsabilidade foi delegada para as edições ASA, que ora nos apresenta a sua edição em álbum.Este, tem um aspecto irrepreensível, bem cartonado, impressão excelente, com os negros e as cores bem visíveis. O que peca, realmente, é a tradução, estando esta entregue em más mãos; Isto é já história antiga, a modos que uma maldição, lançada pelo próprio Goscinny, que se esmerava por fazer um texto tão rico nos diálogos, tão refinado nos jogos de palavras e trocadilhos, que tornava os seus livros, de um modo geral, intraduzíveis em outra língua. Ele próprio confessou uma vez, numa entrevista, que ficava deprimido cada vez que não conseguia encontrar um trocadilho engraçado! E tanto é assim que eu, leitor fiel de Astérix e das suas outras séries, durante muito tempo mantive que quem as não lê na sua escrita original – excepção feita a Lucky Luke – apenas apanha metade do interesse da coisa. Recentemente, algumas traduções de Paula Caetano, que é exímea na tradução de Iznogoud, onde Goscinny refinava a sua escrita até ao extremo do absurdo e da complexidade, e de Jorge Lima, vieram instaurar-me alguma fé na matéria. Infelizmente, os livros de Astérix nunca mereceram a sorte de caírem nas mãos destes ilustres tradutores. Desde a sua estreia em Portugal, que foram mal tratados, na verdade. Em 1966, a Bertrand iniciava a série com o livro “Astérix, o Gaulês”, traduzido pela Maria José Mauperrim, que numa versão pata-brava inaugurou as versões nacionais do pequeno gaulês.Os tradutores actuais não merecem louros. São demasiado cuidadosos, pouco humorados, ousados, imaginativos. Infelizmente, a série já foi reeditada pela asa em mais de dois terços da sua totalidade, e provavelmente já foram todos passados a português, pelo que é causa perdida esperar um pequeno arco-íris nos céus lusitanos…P. S.- A ritmo febril, as edições ASA lá vão lançando novos álbuns da série Rantanplan! Ignoro se tais livros vendem bem ou mal, mas sei que se trata de um inequívoco sub produto editorial, e como tal assim tratado. Os seus guionistas fazem tudo menos empenhar-se na história e no seu desenvolvimento, os desenhadores são muito abaixo da média, imitando sem qualidade o traço do mestre (Morris) sem ao menos chegar a um patamar de expressividade ou funcionalidade geral.

3 Comments:

Blogger João Távora said...

Um grande abraço. Vou seguir o seu blog de perto!

2:18 PM  
Blogger SaltaPocinhas said...

Olá! bem vindo á blogosfera! fazias cá falta!

3:03 PM  
Blogger Geraldes Lino said...

Olá Zé Abrantes. Passou a haver na blogosfera mais um bloguista meu conhecido :-)
E gostei da tua crítica, bem fundamentada, feita por quem leu as histórias e sabe da matéria, tanto como desenhador como argumentista.
Geraldes Lino

8:46 AM  

Post a Comment

<< Home